menu

26/03/2013

O Domínio dos Alienígenas Invasores e a Nova Ordem Mundial

Neste 4º vídeo de Alcyon Plêiades “O Domínio dos Alienígenas Invasores e a Nova Ordem Mundial” vimos muito necessário aprofundar em alguns pontos muito importantes, particularmente porque "os senhores obscuros dominadores", os Reticulianos-Nibiruanos e seus Híbridos, seguem adiante com "sua agenda destruidora" e, embora resistam abertamente, provocam na Terra uma infinidade de "entorpecimentos" humanos, cósmicos e geológicos. Por isso, ainda não conseguimos ver "uma saída definitiva" desse "longo túnel sombrio" em que nos meteram, apenas vemos inúmeras "interferências", ameaças, sustos e "um sem-fim de situações críticas", provocativas e desagradáveis que circulam "por todo o planeta".

E quem são estes "poderosos manipuladores" da dignidade humana?

Os principais são: "os Rothschild, os Rockefeller, J.P. Morgan, os Windsor, os Goldman Sachs, Harriman, Warburg, Carnegie, Schiff, Stillman, Wilson etc." Foram eles que se apoderaram de todas as riquezas da humanidade e ao mesmo tempo também são "os fundadores da Nova Ordem Mundial (NWO).

Foram muito poucos os que "se opuseram abertamente" a seus ambiciosos domínios de poder e controle e quando alguns "se rebelaram", como ocorreu com os presidentes Abraham Lincoln e John F. Kennedy, foram "covardemente assassinados".

Não esqueçamos do que foi exposto no "vídeo 3ª parte", que devido aos fortes obstáculos terrestres e humanos que "os Alienígenas dominadores"criaram, "a Confederação Intergaláctica", como prevenção, "nos introduziu" num "vazio Espaço-Temporal", numa espécie de "Limbo-Espera" antes de entrarmos em cheio "nos Anéis Fotônicos do Sol Alcione".

Trata-se de "um gigantesco Holograma" ou envoltório energético criado com sabedoria e amor consciente para que, quando ingressarmos nessa Frequência elevada de "luz Manásica", não haja "um Impacto-Choque", tampouco sintamos "dor-trauma" nem o terrível sofrimento que todos esperávamos que houvesse com o forte e perturbante choque eletromagnético "da Zona Nula".