menu

19/11/2014

A Vigilância e o Controle ditatorial Orwelliano

Encontramos-nos na época mais difícil da nossa conflitiva história, em uma transição humanidade-terra que vai definir de forma clara nosso destino.
Estamos frente duas forças, a da obscuridade marcada por uns nefastos alienígenas invasores, que há 12 mil anos apoderaram-se abusiva e impunemente de nosso planeta e os Seres de Luz, provenientes de mundos sutis e superiores que fizeram todo o possível para ajudar-nos dentro de nossa evolução-capacitação...

No entanto, o poder das obscuridades teve mais força-mando, mas agora que se cumpriu o prazo de domínio-controle e todo o planeta como a humanidade devem regressar a suas origens estelares e descodificar-se das funestas frequências absorvidas, enquanto o planeta-Gaia começa a reacomodar-se para as suas novas estruturas geológicas para dar assento à  nova Raça Fotônica que está muito próxima.

Estamos chamados a uma transformação radical, em nível planetário, psicológico-condutual e genético total, e isto os alienígenas dominadores o sabem muito bem, por isso aferram-se a sua hegemonia-mando e lutam para não soltar-nos e provocar mais contratempos e caos pelo mundo inteiro.

Desde já, seus ciborgs hibridados estão nos oprimindo-pressionando cada vez mais e para justificar estes terríveis fins já bem planejados, apoiam na segurança cidadã ou do Estado. Então sob essa falsa bandeira, sem obstáculos vão militarizando as cidades, a população se vê mais controlada e sitiada... e além de mostrarem-se desafiantes, como se tratasse de um Exército armado, estão os atentados e autoatentados, simulações que utilizam, abuso dos direitos cidadãos...
O estranho é que desde o atentado às Torres Gêmeas de N.Y de 2001 essa repressão intensificou-se enormemente. Por isso muitos ativistas, jornalistas e defensores dos direitos humanos dizem que, desde esta data deu-se o início da suposta Nova Ordem Mundial.

Não esqueçamos que isso é o que querem os alienígenas involutivos reforçar-se e desarticular-nos mais sob este pretexto nos privam da liberdade e assim somos controlados sem oposição.
Por isso que as entidades de antiluz esforçam-se para que conservemos essa mente globalizada Orweliana, e assim nos manipulam sem oposição, através da massa, nos entretém fascinados de mil maneiras, e é mais fácil para levar adiante qualquer extermínio-controle que se proponham.